Entrevistas

Título Autor
“Estamos na vida, mas dela pouco conhecemos” Escrito por Yasmin Taketani
“A morte da minha mãe quase me matou. Você sabe” Escrito por Schneider Carpeggiani
“É fato: os escritores mortos escrevem junto aos vivos” Escrito por Yasmin Taketani
Um autor fora da zona de conforto Escrito por Luís Henrique Pellanda
Pelo sonho de escrever um romance traduzido Escrito por Luís Henrique Pellanda
O acerto de contas ficcional de um eterno retirante Escrito por Schneider Carpeggiani
“Penso no leitor que sou eu mesmo. Esse leitor é universal” Escrito por Luís Henrique Pellanda
“Ainda não temos uma literatura policial brasileira” Escrito por Luís Henrique Pellanda
“Não é fuga. É busca. Da dor. Da ressensibilização” Escrito por Talles Colatino
“Espero que esse livro nos ajude a morrer menos” Escrito por Luís Henrique Pellanda
Algumas incertezas em meio ao aroma de café e nicotina Escrito por Carol Almeida
Um autor entre os acertos e as falácias típicas da memória Escrito por Luís Henrique Pellanda
O cronista que escanteou para longe o romancista Escrito por Schneider Carpeggiani
“Toda nossa vida pessoal é povoada por fantasmas” Escrito por Raimundo Carrero
“Os poetas não amadurecem e não se desenvolvem” Escrito por Fábio Andrade
“Um romance pode contribuir para o conhecimento” Escrito por Raimundo Carrero
“Literatura, ainda que sofisticada, é para mim diversão” Escrito por Luís Henrique Pellanda
Entenda como o narrador "ajudou" o ofício do terapeuta Escrito por Luís Henrique Pellanda
O lugar da crônica, essa “vira-lata” da nossa literatura Escrito por Luís Henrique Pellanda
“O cordel é uma coisa santa, uma coisa abençoada” Escrito por Wellington de Melo

SFbBox by casino froutakia