Título Autor
Lygia F. Telles está à espreita, leitor Escrito por Talles Colatino
O melhor dos sustos de uma imortal Escrito por Talles Colatino
Cuidado durante o transporte do material Escrito por Reginaldo Pujol Filho
Mais novíssimos, desconhecidíssimos ou injustiçadíssimos Escrito por Reginaldo Pujol Filho
Um compartilhado e devoto fascínio Escrito por Alfredo Cordiviola
Sonha Cervantes, sonha Pancho, sonha o leitor Escrito por Raimundo Carrero
Como fazer Cervantes se sentir em casa Escrito por Ernani Ssó
É Quixote quem avisa: há algo lá fora Escrito por Schneider Carpeggiani
Quando o carinho é o critério literário maior Escrito por Luís Fernando Moura
Pornografia, no fundo, quem faz são as outras Escrito por Talles Colatino
Um criador de anônimos Escrito por Izabel Fontes
“Sim, sou um autor de linguagem” Escrito por Tânia T. S. Nunes
Romance, o objeto de desejo editorial Escrito por Carol Almeida
Onde estão a loucura e a inquietação Escrito por Raimundo Carrero
É Freud quem avisa: você não sofre sozinho Escrito por Paulo Carvalho
Narrativas de uma memória assustada Escrito por Izabel Fontes
Uma literatura a resgatar algo esquecido Escrito por Kelvin Falcão Klein
E no princípio de tudo havia só a “palavra” Escrito por Isabelle Barros
Diante do Cântico dos cânticos
O lugar incerto que Paulo Bruscky habita Escrito por Thiago Soares

SFbBox by casino froutakia